Comunicação Organizacional

A disciplina objetiva analisar a comunicação no setor público a partir de duas perspectivas: uma conceitual / teórica, outra ferramental / técnica. Espera-se que o aluno entenda criticamente as diversas definições do conceito de comunicação pública, de que forma os conceitos estão relacionados à ideia da ampliação do diálogo entre Estado e sociedade e o papel da comunicação nos processos de elaboração, implantação e avaliação de políticas públicas. Pretende-se que o aluno desenvolva a capacidade de planejar e aplicar estratégias e planos de comunicação nas organizações estatais, buscando aliar efetividade, transparência, accountability e promoção do interesse público. Retórica e Argumentação. 

Informações Básicas

Carga Horária
30 horas
Pré-requisito
Não se aplica

Básica:

ARGENTI, P. A construção da Comunicação Organizacional: identidade, imagem e reputação. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2006. 

DUARTE, J. (org.). Comunicação Pública: Estado, Mercado, Sociedade e Interesse Público. São Paulo: Editora Atlas, 2007. 

Complementar:

TORQUATO, G. Tratado de Comunicação Organizacional e Política. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002. 

Any opinions expressed by Fundação Getulio Vargas’s staff members, duly identified as such, in articles and interviews published in any media, merely represent the opinions of these individuals and do not necessarily represent the institutional viewpoints or opinions of FGV. FGV Directive No. 19 / 2018.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.