Comunicação Organizacional

A disciplina objetiva analisar a comunicação no setor público a partir de duas perspectivas: uma conceitual / teórica, outra ferramental / técnica. Espera-se que o aluno entenda criticamente as diversas definições do conceito de comunicação pública, de que forma os conceitos estão relacionados à ideia da ampliação do diálogo entre Estado e sociedade e o papel da comunicação nos processos de elaboração, implantação e avaliação de políticas públicas. Pretende-se que o aluno desenvolva a capacidade de planejar e aplicar estratégias e planos de comunicação nas organizações estatais, buscando aliar efetividade, transparência, accountability e promoção do interesse público. Retórica e Argumentação. 

Informações Básicas

Carga Horária
60 horas
Pré-requisito
Não se aplica

Básica:

ARGENTI, P. A construção da Comunicação Organizacional: identidade, imagem e reputação. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2006. 

DUARTE, J. (org.). Comunicação Pública: Estado, Mercado, Sociedade e Interesse Público. São Paulo: Editora Atlas, 2007. 

Complementar:

TORQUATO, G. Tratado de Comunicação Organizacional e Política. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002. 

As manifestações expressas por integrantes dos quadros da Fundação Getulio Vargas, nas quais constem a sua identificação como tais, em artigos e entrevistas publicados nos meios de comunicação em geral, representam exclusivamente as opiniões dos seus autores e não, necessariamente, a posição institucional da FGV. Portaria FGV Nº19 / 2018.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.